O plano de reforma por lesão no cotovelo já estava decidido para Holger Rune antes da derrota de Coric: "Se ele sentiu isso no combate, deve parar"

A mãe do tenista dinamarquês Holger Rune, Aneke, declarou que o seu filho decidiu retirar-se do Open Sud De France devido a um plano pré-decidido.

O jovem de 20 anos teve de se retirar na semifinal do evento ATP 250 em curso contra Borna Coric no sábado. Após o jogo, Rune publicou uma mensagem na sua plataforma de redes sociais "Health First", afirmando que a sua decisão se baseava apenas nas suas recentes dificuldades de preparação física.

A mãe de Rune, Anke, foi recentemente citada num relatório em que afirmava que o seu filho seguiu o plano estabelecido após consulta da equipa técnica, que o aconselhou a retirar-se da competição se sentisse mais dores no cotovelo.

"O cotovelo/antebraço já estava dorido ontem (sexta-feira) e o acordo foi que, se ele sentisse o cotovelo em combate e não aliviasse com o tratamento do músculo, deveria parar", disse. "Há uma certa irritação que precisa claramente de ser acalmada com algum descanso. É claro que temos de levar a sério os sinais do nosso corpo".

A recente evolução será um revés para Rune, que chega a este evento depois de um dececionante Open da Austrália, onde foi eliminado após perder na segunda ronda com Arthur Cazaux por 7-6, 6-4, 4-6 e 6-3.

Place comments

666

0 Comments

More comments

You are currently seeing only the comments you are notified about, if you want to see all comments from this post, click the button below.

Show all comments