A 402ª semana de Novak Djokovic como número 1 do mundo é mais 100 semanas do que todos os jogadores juntos

Novak Djokovic não só registou o seu oitavo recorde de número 1 no final do ano, como também continuou a bater recordes no final da época. Com 402 semanas, ele tem agora mais de 100 semanas de carreira em primeiro lugar no ranking ATP do que todos os restantes jogadores no ativo juntos.

Rafael Nadal ocupa o segundo lugar, com 209 semanas no topo do número 1 do mundo, com Andy Murray bem à distância, com 41 semanas no topo da classificação. Carlos Alcaraz (36) e Daniil Medvedev (16) são os próximos entre os jogadores ativos que ainda estão no circuito.

É claro que isto não tem em conta os jogadores que já não estão ativos no ATP Tour, como Roger Federer, mas mostra o poder de estrangulamento que ele tem tido durante muito tempo no topo da classificação.

Se juntarmos os 209 de Nadal, os 41 de Murray, os 36 de Alcaraz e os 16 de Medvedev, totalizamos 302, o que representa agora uma diferença de 100 semanas em relação a Djokovic e, mesmo em termos de finais de ano, ele está numa liga à parte, com oito, em comparação com os seis de Pete Sampras e os cinco de Jimmy Connors. O próximo recorde são os 109 títulos ATP deste último e o Grand Slam do calendário.

SEMANAS DE CARREIRA COMO N.º 1 DA ATP 1 ENTRE OS JOGADORES ACTIVOS:

402: Novak Djokovic

209: Rafael Nadal

41: Andy Murray

36: Carlos Alcaraz

16: Daniil Medvedev

Read more about:
Novak Djokovic Ranking ATP ATP

Place comments

666

0 Comments

More comments

You are currently seeing only the comments you are notified about, if you want to see all comments from this post, click the button below.

Show all comments