João Fonseca, de 17 anos, continua a sua incrível corrida no Rio Open contra todas as probabilidades: "Ainda não me apercebi do que alcancei"

João Fonseca diz que "estou a viver um sonho e ainda não me apercebi do que consegui", após a sua histórica participação no Rio Open, com uma vitória por 6-4 6-4 sobre Cristian Garin.

Fonseca, que está a disputar apenas o seu segundo torneio de nível ATP na fase principal, seguiu-se a uma vitória surpreendente contra Arthur Fils na primeira ronda com uma atuação batalhadora contra o antigo campeão do Rio, Garin. O jovem não quer ficar por aqui. "Quero continuar sonhando", disse ele ao ATPTour.com. "Estou muito feliz com meu caminho até agora, mas quero mais. Estou feliz com a maneira como tenho jogado e como cresci no ano passado, não apenas tecnicamente, mas também mental e fisicamente. Não posso agradecer o suficiente à minha equipa, à minha família e aos meus amigos.

Conforto doméstico

Fonseca está a jogar a menos de 10 minutos do local onde passou a sua infância. O brasileiro não é um desconhecido, ganhou o título de singulares do US Open de juniores no ano passado e acredita que a experiência que já acumulou o ajudou esta semana.

"Sabia que o Cristian era um tipo experiente, que sabe enfrentar a pressão e hoje estava um pouco mais tenso no início do jogo. Mas adaptei-me rapidamente, mantive-me concentrado e, com a ajuda do público, consegui vencer", acrescentou.

Fonseca parece estar a inspirar os seus compatriotas no Rio esta semana, com Thiago Monteiro e Thiago Seyboth Wild a chegarem também aos oitavos de final. O jovem de 17 anos espera manter o sonho de vencer o argentino Mariano Navone na sexta-feira à noite.

Place comments

666

0 Comments

More comments

You are currently seeing only the comments you are notified about, if you want to see all comments from this post, click the button below.

Show all comments